A grandeza de um abraço

DSCF5033
Quantas vezes me sentei aqui, frente a este ecrã, a perguntar-me: “o que vou escrever hoje?” Hoje não é diferente… mas encontrei algo. Queria que fosse especial pois é o ultimo texto que redijo neste espaço (facebook)… não vou parar de escrever… vou, isso sim, ocupar outro espaço. O blog que mencionei no ultimo texto está finalmente de pé, ainda estou a “apalpar” o terreno mas já dá para começar. Estão lá todos os textos que aqui escrevi. Não sei como vai ser a partir de agora, não sei se continuarei a ter a vossa companhia mas queria deixar aqui um agradecimento sentido a todos aqueles que se interessaram pelo que vinha escrevendo, que compartilharam comigo as emoções que tentei transmitir em todos os meus textos… Não há duvida, que foi a melhor terapia de grupo que eu poderia ter tido… além de ter ressuscitado o meu gosto pela escrita. Foram só ganhos… isto não é um adeus, até porque vou continuar a andar por aqui mas a nível da escrita, espero que seja apenas um até já.
No meu ultimo texto, alguém muito especial fez um comentário dizendo que eu era um bom contador de histórias, pois bem, hoje quero falar sobre a “amiga do capacete”…
Quando voltamos de paris, ao fim de cerca de 5 meses, o Simão teve de passar uma última prova: radioterapia. Creio que todos saberão o que é, não vou perder tempo com pormenores mas digo-vos que foi a coisa mais difícil que alguma vez tive de fazer. Partiu-me o coração que o menino tivesse de passar por aquilo, rasgava cada vez que ele entrava naquela sala. O meu instinto apenas me dizia: “tira-o dali!”… Sentia-me completamente impotente, ainda agora me arrepio ao pensar nisso mas algum dia teria que falar sobre o assunto. Chegou a hora…
O tratamento não era feito no hospital, era feito no IPO de Coimbra, daí que o ambiente era diferente daquilo a que estávamos habituados. O primeiro dia de tratamento foi um autêntico filme de terror, não conhecíamos ninguém e senti o chão fugir-me dos pés quando vi aquela máquina. Nesse dia amaldiçoei fosse o que fosse que estivesse no céu, por me obrigar a fazer aquilo ao meu menino. Ao meu menino!! Não tive condições para amparar a Célia mas alguém teve… uma técnica, que víamos pela primeira vez, aproximou-se da Célia e abraçou-a… eu mantive-me de pé, angustiado, pedindo que aquilo terminasse depressa para resgatar o meu filho. Isto foi só o primeiro dia…
Nos dias seguintes, a mentalização começou a funcionar e os dias foram passando com mais tranquilidade. Criamos uma empatia muito grande com a Teresa, a técnica que atrás referi, que com o seu sorriso e palavras tanto nos aconchegou. Os tratamentos foram passando, dia após dia de sofrimento. No último dia, de grande alegria para nós, tínhamos reservados uma surpresa muito doce… de sabor e de sentimento! É que a Teresa tinha um talento escondido… fez-nos uma daquelas surpresas que nos aquecem o coração e que nos levam as lágrimas aos olhos, principalmente, atendendo a que mal nos conhecíamos. Se me colocasse na pele de uma destas pessoas, que vêem centenas de pessoas passarem ali, dezenas deles sendo miúdos, creio que sentiria a necessidade de criar algum distanciamento, aquilo que muita gente se queixa de sofrer na pele com os médicos. Mas se pensarmos bem, já imaginaram o que significaria nas vossas vidas preocuparem-se com todos os pacientes que vos passa pelas mãos? Seria um inferno. Mas com a Teresa existiu empatia desde o primeiro dia, foi, se assim posso dizer, uma enorme bengala para nós.
Com isto tudo, devem estar a perguntar-se pela a surpresa, certo? A surpresa era, nem mais nem menos, que um bolo com o formato da cabeça do Mickey, o grande herói do Simão.
Mais que isso, era um bolo lindíssimo, com a cara do Mickey, feito com um coração do tamanho do mundo.
PS: se quiserem ver as criações da teresa visitem a página BOLOS DA TERE(cake design) no facebook.
Boa noite!

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s